Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

Uma bomba Poderosa de Amor

Então, chegamos ao Amor.  Sentimento de tão nobre valor, de uma grandeza que não sabemos mensurar. Temos realmente várias tendências do amor. Mas acho que, o amor na forma grandiosa, sem cobranças, sem preocupações, sem ciúmes, desinteressado, esse é muito difícil ser alcançado. Ainda se faz muita confusão, mistura de sentimentos. Amor de mãe e pai, muitas vezes exagerado, não respeita a individualidade, não mede palavras, nem atos. Tudo em nome do amor. As vezes sufoca, machuca, vai além das possibilidades. E tem o amor que libera demais, que deixa a vontade, se comparado aos padrões normais, parece até que não ama. Um sentimento tão lindo, que nos faz seres importantes, quando percebemos a nossa capacidade de cultivar e transmitir, seja amor dos pais para o filho, seja de filho para os pais, irmão para irmão, entre amigos, animais, plantas, em fim quantas coisas podemos amar. As várias faces do amor. A energia do amor, é maravilhosa, emociona, contagia, estimula.

A descontração da consciencia

Ninguém vai discordar que a vida traz desafios, mas dê um passo para trás, por um momento, e pergunte a questão mais profunda sobre o porquê disso.Porque a vida é tão difícil? Não importa com quais vantagens você nasce: com dinheiro, inteligência, uma personalidade atraente, uma boa perspectiva de vida, ou uma vida social com boas conexões; nada disso fornece uma chave mágica para uma existência fácil. De alguma forma a vida consegue trazer problemas difíceis, causas de sofrimentos incalculáveis e de muitas lutas. A forma como você enfrenta seus desafios, faz toda a diferença entre a promessa de sucesso, e o espectro do fracasso. Existe uma razão para isso, ou a vida é simplesmente uma série aleatória de eventos que nos mantém fora do equilíbrio, e quase incapazes de lidar com isso? A espiritualidade começa com uma resposta decisiva para essa pergunta. Ela diz que a vida não é aleatória. Existe um padrão e um propósito dentro de cada existência. A razão pela qu