Pular para o conteúdo principal

Somos a vida do Universo


Ficamos encantados quando vemos nossos filhos fazendo aquilo que fizemos, falando coisas que dissemos e nos repetindo. Parece que estamos revivendo nossas experiências através deles.

Nossos pais e avós deviam sentir o mesmo porque quase tudo que fazemos ou dizemos tem um pouco do que aprendemos com eles.

Nossos mestres então ficariam maravilhados ao nos ver repetir as mesmas expressões que eles tanto tentaram nos fazer compreender, como se tivéssemos nos apropriado delas.

Quantos ditados, historias, anedotas e provérbios. Quantas lições e ensinamos passamos adiante como se as tivéssemos inventado, e já nem nos lembramos mais de onde vieram.

Mas na verdade eles também aprenderam com seus ancestrais e nos repassaram, acrescentando algo de sua própria experiência, exatamente como fazemos hoje com nossos filhos, amigos, alunos e todos os demais com os quais nos relacionamos.

Nossas verdades não nos pertencem, pois herdamos da cadeia de relacionamento que nos precederam. Pensando melhor, temos sim algum direito a reivindicar, porque aderimos e acrescentamos algo nosso antes de passar o bastão adiante.

Então podemos refletir que a vida é uma cadeia de relacionamentos hierárquicos e Inter penetrantes oriunda da mente infinita que doa a vida às suas criaturas, emanando as inspirações primarias que se propagam em estímulos em uma espécie de cadeia descendente, gerando oportunidade e inspiração para que cada ser acrescente a ela sua própria experiência.

Os seres que estão mais próximos do cume recebem essa essência mais pura decodificando-a na diversidade de seres em raios hierárquicos fazendo assim a energia descender e se multiplicar.

Vivemos a nossa vida particular, mas ao mesmo tempo somos veículos da grande corrente hierárquica das muitas vidas que fazem parte de nossa cadeia.

Abaixo de nós estarão aqueles a quem cativamos e acima de nós aqueles que cuidam pessoalmente para o sucesso e alegria de nossa vida, para assegurar que a grande corrente seja abundante e infinita.

Espiritualidade é despertar a consciente desta cadeia, abandonando a ideia ridícula de que alguém neste mundo pode viver isolado, e então propagar as boas inspirações colaborando ativamente na grande corrente do Bem.



Receba nossas Postagens direto no seu e-mail


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A vida é uma dança

Quando uma porta se fecha, outra se abre; quando um caminho termina, outro começa… nada é estático no Universo, tudo se move sem parar e tudo se transforma sempre para melhor. Habitue-se a pensar desta forma: tudo que chega é bom, tudo que parte também.  É a dança da vida… dance-a da forma como ela se apresentar, sem apego ou resistência. Não se apavore com as doenças… elas são despertadores, têm a missão de nos acordar. De outra forma permaneceríamos distraídos com as seduções do mundo material, esquecidos do que viemos fazer neste planeta. O universo nos mandou aqui para coisas mais importantes do que comer, dormir, pagar contas… Viemos para realizar o Divino em nós. Toda inércia é um desserviço à obra divina. Há um mundo a ser transformado, seu papel é contribuir para deixá-lo melhor do que você o encontrou. Recursos para isso você tem, só falta a vontade de servir a Deus servindo aos homens. Não diga que as pessoas são difíceis e que convivência entre seres humanos

A tríade Pensar, Sentir e Agir

Estes três vértices formam o triangulo magico da Criação, que envolve sempre Ideia, sentimento e ação. Existe uma estreita correlação entre eles , de tal forma que quando um deles é  acionado desencadeia reação nos demais. O pensamento gera sentimento, que provoca ação, a ação provoca sentimento e reflexão , o sentiment o dependente da criação mental e da iniciativa. Qual o motor que costumamos usar em nossas vidas? Ação desenfreada e irrefletida, rompantes destruidores sem a analise cautelosa da razão? Turbilhões de imagens mentais que incendeiam as emoções ? Sentimentos nebulosos de magoa ou paixões desenfreadas , confund indo a  a razão   e a  visão  da realidade? Os sábios antigos comparavam o homem com uma carruagem. O Cocheiro representa a mente, Os Cavalos Representam o coração e as emoções, A Charrete com sua mecânica, representa o Corpo Físico. Quem está no comando desta carruagem? A carruagem move-se desgovernada seguindo ladeira abaixo, carr

O Ritmo do Trabalho

Primeiramente gostaria de agradecer a todos que se interessam por esta leitura e dizer que tudo que falarei aqui é de minha inteira responsabilidade. São minhas crenças pessoais, fruto de meus estudos e reflexões, mas que não devem ser levadas como verdades absolutas, porque nem mesmo eu as tenho desta forma. Eu vos convido a refletir comigo, se permitindo o direito de observar pelo menos por alguns momentos, certas questões que serão apresentadas,  por uma visão diferente e talvez contraditória a sua própria visão. Durante todo este mês estaremos debatendo este tema e gostaríamos de convida-lo a deixar seus comentários e reflexões no final do texto clicando em novo comentário e acompanhar as respostas e sugestões dos demais. Não estranhem o fato de que teremos mais perguntas do que respostas, mais reflexões do que formulações prontas, pois as perguntas parecem contribuir mais para o aprendizado do que as afirmações. Quem de nós pode de fato afirmar alguma coisa,